Versione italiana English version Version française

ACTUALIDADES

     

International > CIK-FIA

KSP_109_7522.JPG

 

Depois de uma magnífica apresentação dos pilotos na presença de um grande público e da visita à grelha por parte dos VIP, a corrida começa. Felipe Massa, o Presidente da CIK-FIA lança por bandeira verde as duas voltas de formação da final da Super Taça Internacional KZ2. Matteo Vigano (Tony Kart/Vortex) e Adrien Renaudin (Sodi/TM) partilham a 1ª linha na frente de Daniel Bray (GP/TM) e de Emil Skaras (Energy/TM), depois seguem Max Tubben (CRG/TM) e Gaetano Gomes E.S. Di Mauro (CRG/TM).

 

À extinção dos semáforos os 34 KZ2 saltam num alvoroço infernal, para 23 voltas emocionantes. Renaudin consegue colocar-se atrás de Vigano, que consegue afastar-se imediatamente. Bray cola-se ao Francês, Skaras cede face a Gomes. Paul Evrard (Kosmic/Vortex) e Thomas Landais (Alpha/TM) abandonam na primeira volta, Alexander Schmitz (Tony Kart/Vortex) abandona na volta seguinte. Bray coloca-se no 2º lugar desde a 3ª passagem, Vigano já possui um segundo de avanço. No entanto, o seu ritmo baixa rapidamente em relação aos seus perseguidores. Arrancando do fundo da grelha, Riccardo Longhi (Birel ART/TM) recupera 14 lugares em 6 voltas e assina o melhor tempo.

 

Bray aproxima-se a 5 décimos do líder, que reage, enquanto a 1,3'' mais longe Renaudin resiste a Gomes, sem conseguir aproximar-se do duo da frente. Skaras permanece 5º na frente de David Vidales (Tony Kart/Vortex) e Giacomo Pollini (Formula K/TM). A situação pouco altera no final da corrida com excepção para Renaudin, que é atacado por Gomes. Vidales aproveita para passar para 3º, Gomes é 4º, Longhi sobe a 5º na frente de Renaudin. Vigano impõe-se magistralmente com 1,4'' na frente de Bray.

 

KSP_109_7792.JPG 

Info Kartcom / © Fotografias KSP


Aceder às outras actualidades

Corridas associadas

logo
International Super Cup
KZ2
Facebook Twitter Google+ Pinterest

Conexão