Versione italiana English version Version française

ACTUALIDADES

     

Todas as actualidades

>
 

Kartcom Video > GPO Karting

 

Le GPO d'Ostricourt se déroule sur le site du Racing Kart JPR. Mathieu Rémy explique la place de la compétition dans cette entreprise familale fondée par son père, Jean Patrick Rémy. 

 

 

Vidéo Kartcom


International > GPO Karting

28/05/11 - 16:24

Roussel termina na frente

Leo-Roussel-KF2.jpg

 

Guillaume De Ridder (Tony Kart/Vortex) parte novamente na frente para a final da KF2, tendo nos seus calcanhares Léo Roussel (Sodi/Parilla) e Enzo Guibbert (FA Kart/Vortex). Roussel termina a primeira volta no primeiro lugar, mas Victor Sendin (Tony Kart/Vortex) tenta e consegue uma travagem de extraterrestre, no primeiro cotovelo, e salta autoritáriamente para o comando. De Ridder é obrigado a ceder terreno, Guibbert recupera e passa Sendin à 4ª volta.

 

Talvez Sendin não esteja finalmente mais favorecido do que na pré-final, pois também não consegue resistir a Roussel. É a luta entre Deguffroy e De Ridder pela 4ª posição. Em 10º, Pascal Belmaaziz (DR/Parilla) consegue o melhor tempo. Guibbert é assim um sólido líder, mesmo se Roussel não dorme atrás dele. O piloto da Sodi acumula as voltas mais rápidas e aproxima-se progressivamente de Enzo, até o alcançar e ultrapassar na 12ª das 18 voltas. Roussel voa para uma bonita vitória face a Guibbert, enquanto Sendin sobe ao terceiro degrau do pódio, graças à sua perseverança.

 

Podium-KF2.jpg

 

 

Info Kartcom / © Fotografias KSP


Start-KF3.jpg

 

Esteban Ocon (FA Kart/Vortex) lança-se sem problemas para a final da KF3, bem seguido por Benjamin Gérard (Tony Kart/Vortex). Atrás, há uma grande agitação. Valentin Moineault (Sodi/Parilla) alcança o 3º lugar em detrimento de Dorian Boccolacci (Birel/BMB). Etienne Mordret (Zanardi/Parilla) perde a vantagem de um bom início de corrida ao chocar com Valentin Naud (Tony Kart/Vortex). A luta é renhida pelo 4º lugar entre Hubert Petit (Sodi/Parilla), Simon Tirman (Tony Kart/Vortex) e Boccolacci.

 

Durante esse tempo, Moineault passa para segundo na frente de Gérard. Ele aproxima-se de Ocon, que reage. Paolo Besancenez (Sodi/Parilla) está em plena ascensão após os seus problemas durante a pré-final, e ei-lo 6º na frente de Petit e depois 5º, após ter ultrapassado Tirman. Mas de seguida ele volta a perder 2 lugares. Após a sua estabilização, os tempos melhoram nas últimas voltas. Besancenez, depois Boccolacci conseguem os melhores desempenhos, mas é Esteban Ocon quem tem a última palavra, tanto em velocidade como em resultado, com uma grande vitória que vem coroar um dia perfeito. Se Moineault permanece em 2º, as coisas mudam na última volta durante uma luta mais renhida: Besancenez sobe finalmente ao 3º degrau do pódio, Tirman termina em 4º e Petit em 5º.

 

 

Info Kartcom / © Fotografia KSP


Start-KZ2.jpg

 

Emilien Grosso (Intrepid/TM) tenta a sua sorte na partida da final KZ2 e persegue Thomas Mich (Birel/TM) na frente dos Sodi boys, Anthony Abbasse bloqueado atrás de Charles Fiault, enquanto Pierre Ragues não está longe na 5ª posição. Mas Thierry Delré (BRM/TM) depressa os alcança, seguido de Charles Martin (CRG/TM). Fiault ultrapassa Grosso para o 2º lugar, Abbasse cai para a 6ª posição e é Martin quem permanece algum tempo no 4º lugar.

 

Mich está tranquilo na frente da corrida e aumenta o seu avanço sobre Fiault e Grosso. Abbasse aparece agora na 4ª posição e aproxima-se progressivamente de Grosso. No 6º lugar, Charly Bizalion (Intrepid/TM) consegue um bonito desempenho e aproxima-se de Martin. Abbasse ataca Grosso à 12ª passagem, mas tem de se bater duramente para assegurar a sua 3ª posição. O pelotão alonga-se como um dia de Inverno na Lapónia e a bandeira de xadrez acaba por consagrar a vitória de Mich, 2'' na frente de Fiault, que termina a 2,8'' do terceiro, Abbasse.

 

Podium-KZ2.jpg

 

 

Info Kartcom / © Fotografias KSP


Start-KF2.jpg

 

Primeira linha 100 % Belga na pré-final da KF2. Guillaume De Ridder (Tony Kart/Vortex) conserva a vantagem da sua pole position, mas é Enzo Guibbert (FA Kart/Vortex) quem se coloca no seu rasto seguido por Rémy Deguffroy (Tony Kart/Vortex) e Léo Roussel (Sodi/Parilla). Victor Sendin (Tony Kart/Vortex) aparece apenas em 8º. Após bastante tempo no pára-choques do Belga, Guibbert perde terreno ao querer atacá-lo, sem conseguirmos ver bem o que se passou, e encontra-se em 5º atrás de Pascal Belmaaziz (DR/Parilla). Super motivado, Enzo acumula as melhores voltas da corrida.

 

Os três primeiros estão bem afastados. À meia-corrida Roussel aproxima-se de Deguffroy que resiste bastante bem. Particamente, as posições não evoluem mais, mesmo se as distâncias variam: Deguffroy ganhou terreno face a Roussel, Belmaaziz subiu de tom na frente de Guibbert. A vitória desta corrida um pouco monótona pertence a Guillaume De Ridder, o piloto mais rápido desta pré-final. Segundo é Deguffroy, terceiro Roussel, depois Belmaaziz, Guibbert, Vermeylen e Sendin.

 

 

Info Kartcom / © Fotografia KSP


Todas as actualidades

>
 
Facebook Twitter Google+ Pinterest

Conexão



Parceiros